Da biblioteca: Stardust

* Livro disponível nas bibliotecas públicas de Birmingham

stardust

Boa dica para quem gosta de fantasia. E melhor avisar logo no início: o que não é meu caso.

Mesmo assim, li Stardust, de Neil Gaiman, para o book club, mantendo a mente aberta para chegar à última página.

Como um conto de fadas para adultos, o livro conta a história de Tristran Thorn, que se lança em uma aventura do outro lado do muro que divide a aldeia onde mora de Faerie, em uma promessa que fez a sua amada, Victoria Forester.

Faerie é um mundo desconhecido e encantado, onde Tristran vai encontrar a estrela cadente que prometera buscar para Victoria e descobrir que ele mesmo é “metade encantado”.

A história ocorre durante a era vitoriana, mas, ao ler o livro, essa noção de época aos poucos se perde – talvez porque a ação passa a ocorrer mais no mundo encantando, onde não existe tempo histórico.

Apesar da minha limitada paciência com fantasia (unicórnio? *roll eyes*), o livro é bem escrito. Gosto especialmente das descrições de Gaiman, que fazem o leitor facilmente visualizar cenas…:

Ele passou por uma banca na qual cinco homens enormes dançavam a música de um lúgubre realejo sendo tocado por um urso negro com cara de velório; ele passou por uma banca onde um homem careca em um quimono colorido quebrava pratos de porcelana e os atirava em uma bacia incandescente, de onde uma fumaça colorida era despejada, tudo enquanto atraía quem passava.* (p. 13-14)

… ou pessoas:

Não havia ninguém na vila que quisesse ir na contramão de Bridget Forester, e diziam que era mais provável o muro andar do que Bridget Forester mudar de ideia. (p. 30)*

(Quem nunca conheceu uma Bridget Forester?)

Espere um final feliz, como nos contos de fadas (embora não exatamente como você possa imaginar). A história originalmente foi criada como uma novela ilustrada – o que provavelmente me daria outra impressão do trabalho de Gaiman, mesmo que a conversão para prosa tenha passado por poucas adaptações.

No Brasil, o livro chama-se O Mistério da Estrela – Stardust, pela editora Rocco.

* Tradução livre

> Veja o que mais você pode encontrar no sistema público de bibliotecas de Birmingham

Read the Printed Word!

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s